O INAC – Instituto Nova Ágora de Cidadania, fundado em 24 de fevereiro de 2003, é uma organização sem fins lucrativos, de natureza privada, reconhecida pelo Ministério da Justiça como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, com sede em São Paulo.Tem por objetivo a promoção da assistência social, da cultura, defesa e conservação do patrimônio histórico e artístico; promoção da segurança alimentar e nutricional, e promoção do desenvolvimento sustentável através da preservação, conservação do meio ambiente em ações que visam garantir a disponibilidade de recursos naturais respeitando os limites da Biosfera, para absorver resíduos e poluição e o desafio de reduzir a desigualdade social promovendo o desenvolvimento econômico, social e combate à pobreza através da geração de emprego e renda, inclusão digital.

No objetivo persecutório em alcançar o sucesso das metas estabelecidas para o Desenvolvimento Sustentável, as atividades do INAC foram direcionadas com o enfoque integrado em eixos de atuação: Ambiental, Inclusão Digital/Tecnologia da Informação, Certificações das associações sociais de bairro, Construção do movimento da rede solidária, e banco de oportunidades (BOP), por meio de Programa e Projetos.

Na área Ambiental, as intervenções visam proporcionar a destinação final adequada de resíduos sólidos urbanos, visando à salubridade ambiental consubstanciado na Resolução Conama 307/2003; nas Leis 11.445/2007 Lei 12.305/2010 Plano Nacional de Resíduos Sólidos Urbanos.

Na Inclusão Digital, o Instituto tem trabalhado no intuito de levar a tecnologia às pessoas, cujos objetivos estão no aprendizado, no engajamento das pessoas às comunidades e na integração dos atores em questão. Não se trata de adequar as pessoas às tecnologias que são padrão no mercado, mas adequar a tecnologia às necessidades e desejos das pessoas.

Assim, iniciamos a implantação de Estações Digitais concebidos como espaços públicos de relacionamento e interação entre os mais diversos atores da sociedade ao seu entorno como focos de irradiação de cultura, produção colaborativa de informação e validação coletiva do conhecimento adquirido em soluções criativas de integração das periferias com a tecnologia.

Projetos

CRC INAC

crc-inac

O CRC INAC (CENTRO DE RECONDICIONAMENTO DE COMPUTADORES), desenvolve um trabalho focado em inclusão digital, para o desenvolvimento local, qualificação profissional para jovens (a partir de 12 anos) e adultos, com a oferta dos seguintes cursos:

  • Preparatório a Informática;
  • Informática;
  • Montagem e Manutenção de Computadores;
  • Edição de Vídeos;
  • Maquete 3D (Design de Interiores); E oficinas de Robótica e Impressora 3D.

Além de visar a inclusão digital e contribuir para o protagonismo de jovens e adultos, o CRC INAC, realiza um trabalho de doação de computadores ou desfazimento de equipamentos eletrônicos obsoletos, descartando cada componente de maneira correta.

USINAS DE RECICLAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL E DEMOLIÇÕES

usina-de-reciclagem-de-entulho-rcd

As Usinas de Reciclagem de Entulho – UREs favorecem diretamente a diminuição do depósito irregular de entulho. Contribuem também para a diminuição da necessidade do extrativismo mineral através do reaproveitamento, com a reinserção do agregado reciclado na cadeia produtiva da construção civil. No mais, geram trabalho, emprego e renda para diversos atores sociais que participam do processo.

Inaugurada no dia 13 de maio de 2009, a Ureosasco tem capacidade para reciclar 25 toneladas de resíduos sólidos da construção civil por hora.

O modelo de parceria e gestão da URE é pioneiro e tem trazido ganhos legais, econômicos e principalmente sociais, que futuramente serão instalados em outras municipalidades: Hortolândia/SP, São Leopoldo/RS, Petrópolis/RJ e Betim/MG. O intuito é estabelecer uma parceria, um trabalho em conjunto.

No mais, o projeto URE tem aberto caminho para o diálogo, novas perspectivas, e apontado soluções que envolvem os diferentes setores participantes da cadeia de resíduos sólidos da construção civil desde sua origem, o descarte e reaproveitamento.


EQUIPE

Arivonaldo Vieira Junior – Presidente
Iuzo Furuta Junior – Diretor Financeiro
Júlio César Hessel – Diretor Executiva
Moiravan Theodoro Lece – Coordenador Administrativo